Filtros

Continente

País

    1404 - MYANMAR COMPLETO (Yangon, Heho, Pindaya, Lago Inle, Mandalay, Bagan, Kyaikhto, Mawlamyine)

    Tipo: Circuito
    Inicia em: Yangon
    Duração: 22 dias
    Termina em: Yangon
    Cidades: Yangon, Heho, Pindaya, Lago Inle, Mandalay, Bagan, Kyaikhto, Mawlamyine

    Itinerário

    Circuito Privado com guia em Inglês
     
    ITINERÁRIO (resumo):
    1º dia –
     Portugal / Yangon (avião)
    2º dia – Chegada a Yangon
    3º dia – Yangon
    4º dia – Yangon / Heho (avião) / Pindaya
    5º dia – Pindaya / Lago Inle
    6º dia – Lago Inle (Aldeia Dein)
    7º dia – Lago Inle
    8º dia – Lago Inle / Heho / Mandalay (avião)
    9º dia – Mandalay
    10º dia – Mandalay
    11º dia – Mandalay
    12º dia – Mandalay
    13º dia – Mandalay / Bagan
    14º dia – Bagan
    15º dia – Bagan (Monte Popa)
    16º dia – Bagan
    17º dia – Bagan / Yangon (avião) / Kyaikhto
    18º dia – Kyaikhto / Mawlamyine
    19º dia – Mawlamyine
    20º dia – Mawlamyine / Yangon
    21º dia – Yangon / Portugal (avião)
    22º dia – Chegada a Portugal
     
    Legenda (P, A, J)
    P = Pequeno-almoço   A = Almoço   J = Jantar 

    1º dia – PORTUGAL YANGON (-, -, -)
    Partida para Yangon com mudança de avião em rota. Noite a bordo.

    2º dia – Chegada a YANGON (-, -, -)
    Chegada, assistência e transporte ao hotel. Alojamento e resto do dia livre.

    3º dia – YANGON (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita de dia inteiro em Yangon, onde se destaca: o Pagode Sule, a peculiaridade deste edifício é a sua forma octogonal; o Museu Nacional (fechado às 2ªs feiras e feriados) com várias exposições interessantes, especialmente o Trono Sihasana de 8 m de altura, usado pelo Rei Thibaw Min, o ultimo Rei Birmanês, e que voltou à Birmânia em 1908 pelas mãos de Lord Mountbatten; ao mercado Bogyoke, também conhecido como “Scott Market” (fechado às segundas-feiras e feriados públicos), um edifício com mais de 2000 barracas; o Pagode Botataung, que foi completamente destruído durante a II Guerra Mundial, foi posteriormente reconstruído tentando ser um retrato fiel do antigo edifício; o Pagode Chaukhtatgyi e finalmente o Pagode Shwedagon para admirar o pôr-do-sol, a “jóia da coroa” da cidade, este Pagode data de há 2500 anos atrás, a sua forma original tem sido alterada ao longo dos anos e é coberto com cerca de 60 toneladas de folhas de ouro. Alojamento no hotel.

    4º dia – YANGON HEHO / PINDAYA (P, -, -)
    Pequeno-almoço. Em hora a indicar localmente, transporte ao aeroporto. Formalidades de embarque e partida com destino a Heho. Chegada e continuação da viagem por estrada em veículo privado em direcção a Pindaya. Chegada e visita às Grutas de Pindaya, que albergam no seu interior mais de 800 imagens de Buda – construídas em alabastro, teca, mármore, tijolo, laca e cimento – e dispostas de forma a criar um labirinto através do interior da gruta. Alojamento no hotel.

    5º dia – PINDAYA / LAGO INLE (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída com destino ao Lago Inle. Chegada e passeio de barco pelo lago; localizado no estado de Shan, com as suas águas muito calmas, é bordeado por altas montanhas. As margens do Lago bem como as suas ilhotas albergam 17 aldeias, a maior parte das quais habitadas pela população Intha. Visita dos jardins flutuantes, do mercado flutuante (o mercado não se realiza nos dias de lua cheia e de lua nova) e de uma aldeia Intha. Visita ainda do Pagode Phaung Daw Oo, da aldeia Inn Paw Khon e do Mosteiro Nga Phe Kyaung. Alojamento no hotel.

    6º dia – LAGO INLE (Aldeia Dein) (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída de barco para visita à Aldeia Inn Dein, na costa oeste do lago, onde se encontra o complexo de Templos INN THEIN. Visita de um dos mais agradáveis locais históricos da zona do Lago que consiste em centenas de Pagodes. Continuação a pé para a aldeia de Sae Ma, passando pelos campos de arroz. Visita da escola primária e possibilidade ainda de conhecer as crianças e os professores. De tarde visita de um mosteiro, onde poderá observar os rituais da vida monástica. Regresso ao hotel de barco e alojamento.

    7º dia – LAGO INLE (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída de barco atravessando o Lago Inle em direcção às aldeias da costa  [imagem] leste. Continuação da viagem por estrada para a zona montanhosa, passando por admiráveis paisagens, com paragem na aldeia Pa O para visita do mercado local. Visita ainda do complexo de templos de Kakku, uma magnífica colecção de mais de 2000 templos Budistas datados dos sécs. XII e XIII, concentrados numa área de 1 km quadrado. Regresso ao lago Inle e alojamento no hotel.

    8º dia – LAGO INLE / HEHO MANDALAY (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. De manhã, saída por estrada para Heho, transporte ao aeroporto, formalidades de embarque e partida para Mandalay. Chegada, assistência e transporte ao hotel. Alojamento e tarde livre.

    9º dia – MANDALAY (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Mandalay é uma das maiores cidades do Myanmar, centro cultural e religioso. Visita do Pagode Mahamuni Paya, originalmente construído pelo Rei Bodawpaya em 1784; o Mosteiro Shwenandaw Kyaung, de grande interesse, não só por ser um belo exemplar da arquitectura Birmanesa em madeira, mas também como uma ligeira memória do antigo Palácio de Mandalay. Continuação da visita pelo Pagode Kyauktawgyi Paya, conhecido pela imagem de Buda sentado e esculpido de um único bloco de mármore, ao Pagode Kuthodaw Paya, construído em 1857 ao mesmo tempo que o palácio real, tem a alcunha de “o maior livro do mundo”. Por fim, visita do antigo mosteiro Shwe Kyin, construído durante o período do Rei Mindon. Visita a Mandalay Hill para desfrutar de um lindo pôr-do-sol. Alojamento no hotel.

    10º dia – MANDALAY (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita de dia inteiro a Amarapura, Sagaing e Inwa (Ava). De manhã, saída em direcção a Amarapura para visita ao Mosteiro Mahagandayon. Continuação para Sagaing, considerado o centro religioso de Myanmar. Paragem em alguns templos mais conhecidos como Sun U Ponya Shin Paya, U Min Thonsei Paya e Kaung Hmu Daw Paya. Continuação da viagem em ferry até Inwa, situado na margem do Rio Irrawaddy. Desfrute de um passeio de carroça pela região e visite o mosteiro Bagaya Kyaung, um bonito mosteiro em madeira teca, Maha Aungmyay Bonzan Kyaung e a Torre Nan Myint. No regresso a Mandalay, via Amarapura, visita à Ponte U Bein’s, uma pitoresca ponte com mais de 1km que atravessa o Lago Taungthaman. Regresso a Mandalay e alojamento no hotel.

    11º dia – MANDALAY (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saida de barco em direcção a Mingun, desfrutando das bela [imagem]  paisagens do rio – as aldeias de pescadores, os mercados flutuantes, os mercados flutuantes. Oportunidade para explorar as ruínas do vasto Mingun Paya, um monumento ambicioso que pelo seu tamanho iria ter feito parecer pequenos todos os pagodes contemporâneos, embora este nunca foi terminado. Visita ao Pagode Hsinbyume Paya, datado de 1816 e construído pelo rei Bagyidaw, que dedicou à memória de sua esposa, a princesa Hsinbyume. Como muitos outros pagodes, essa estrutura é uma representação simbólica da mítica montanha Meru. Continuação com a visita ao “Mingun Bell” datado de 1808, com um peso de 90 toneladas, reivindica-se ser o maior sino do mundo. Regresso de barco a Mandalay. Chegada e transfer para o hotel. Alojamento.

    12º dia – MANDALAY (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita a Pyin Oo Lwin de comboio. Pyin Oo Lwin é o legado de maior influência do sul da Ásia, alberga cerca de 5.000 Nepaleses e 10.000 Indianos e foi durante muitos anos, durante a época colonial britânica uma estação de montanha. Visita do Jardim Botânico, desenvolvido pelos prisioneiros de guerra turcos durante a II Guerra Mundial, sob o comando do coronel May, tem uma floresta natural, um Jardim de rosas e outro de orquídeas, entre outras espécies; Torre Purcell, esta torre de relógio foi oferecida pela Rainha Victoria que também ofereceu uma idêntica à Cidade do Cabo na África do Sul; a Igreja da Imaculada Conceição, com cerca de 100 anos situa-se a sul da zona central. Por fim visita às grutas de Peikchin, criadas por nepaleses locais e adornadas com várias imagens modernas de Buda e de pagodes conhecidos. Regresso a Mandalay e alojamento.

    13º dia – MANDALAY / BAGAN (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Em hora a indicar localmente, saída de Mandalay em veículo com destino a Bagan. Chegada, transporte ao hotel e alojamento.

    14º dia – BAGAN (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita da cidade de Bagan, situada numa espectacular planície ao longo do Rio Ayeyarwaddy, alberga as ruínas de dezenas de Templos centenários. Apesar da cidade ser habitada desde os primeiros anos da era de Cristo, só teve o seu período de ouro com a conquista de Thaton em 1057 d.C. Da visita destacamos: o Pagode Shwezigon, a sua construção foi iniciada pelo Rei Anawratha para albergar algumas relíquias de Buda, mas só foi acabada pelo seu sucessor o Rei Kyansittha entre 1086 e 1090. Originalmente este Pagode delimitava a cidade de Bagan a Norte; o Templo Gubyakhyi em Wetkyi-Inn construído no início do séc. XIII, e reconstruído no séc. XV; o Templo Ananda Pahto, um dos maiores, bem preservados e venerados de Bagan, foi construído por volta do ano 1105 pelo Rei Kyanzittha; o Templo Gubyaukgyi em Myinkaba, construído em 1113 pelo filho do Rei Kyansittha, Rajakumar é famoso pelas suas magníficas pinturas, que se crê serem ainda as originais; o Templo Manuha, construído em 1059 pelo Rei Manuha, o Rei de Thaton, contem uma combinação invulgar de 4 imagens de Buda: 3 sentado e 1 reclinado. Visita ainda do Templo Shwesandaw Paya, construído em 1057 pelo Rei Anawrahta após a conquista de Thaton. Por fim visita às aldeias circundantes, conhecidas pela produção de artigos em verniz. Regresso ao hotel e alojamento.

    15º dia – BAGAN (Monte Popa) (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída por estrada para Monte Popa, chegada e visita deste curioso monte de forma cilíndrica que se ergue no meio da planície. É considerado ser a casa dos mais importantes “espíritos” do Myanmar. Os visitantes são convidados a subir o monte, por uma escada que o circunda, tendo a oportunidade de observar os curiosos macacos que vivem nesta zona, no topo do Monte existe um Mosteiro e um complexo de Templos com uma espectacular vista de toda a região.
    Visita ainda de Salay, onde poderá observar o quotidiano desta intocável cidade birmanesa; Yoke Son Kyaung, o último mosteiro de madeira intacto; e ao Mosteiro de Thar Ta Na Yaung Chi, que serve orfanato. Regresso a Bagan e alojamento no hotel.

    16º dia – BAGAN (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. De manhã, saída para continuação das visitas em Bagan: o Templo Mahabodi, o Templo Dhamayangyi, o Templo de Pahto Thatbyinnyu. Tarde livre e alojamento no hotel.

    17º dia – BAGAN YANGON / KYAIKHTO (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. De manhã transporte ao aeroporto, formalidades de embarque e saída com destino a Yangon. Chegada, assistência e continuação por estrada com direcção a Kyaikhtiyo. No caminho visita de Bago, a 80 km de Yangon, foi fundada no ano 573 pelos irmãos Thamala e Wimala, localizada no Golfo Martaban, já tinha sido apontada como uma grande cidade por Gautama, o histórico Buda. Visita do mercado local; do mosteiro de Bago, para observar o quotidiano dos monges; o Pagode Shwemawdaw, um dos mais venerados Pagodes do país em virtude dos seus 1000 anos de história e por ter sido inicialmente construído por 2 mercadores Thapussa e Bhalita para albergar algumas relíquias de Buda; o Pagode Hintha Gon Paya, que segundo a lenda, foi o local onde pousou o mítico pássaro (hintha). Continuação da visita ao Pagode Kyaik Pun Paya, construído em 1476 pelo Rei Dhammazedi e possui 4 imagens de 30 metros de altura de budhas sentados em volta de um grande pilar quadrado; e ao Pagode Mahazedi, originalmente construído em 1560 pelo Rei Bayinnaung, foi destruído em 1757 aquando o saque de Bago e reconstruído totalmente em 1982. Continuação da viagem para Kyaikhto. Chegada, transporte ao hotel e alojamento.

    18º dia – KYAIKHTO / MAWLAMYINE (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída para visita a Kyaikhto – Golden Rock, um dos locais mais sagrados de peregrinação em todo o país, situa-se no topo de uma montanha a 1.100m do nível do mar. Continuação por estrada para Mawlawmyine com visita a Hpa An, capital do estado de Kavin, é uma pequena cidade mas activo centro provincial, habitada na sua maioria pelas pessoas de Kavin. Agricultores de toda a região vêm em carroças e “trishaw” vender os seus produtos. Visita das grutas Kawgun, decoradas com várias imagens de Buda, algumas do séc. XV d.C.; e do Kyaunkamlab Stupa, com boas vistas do Monte Zwekabin, com a sua muito invulgar forma, que depois de vista uma vez não é fácil esquecer. Alojamento no hotel.

    19º dia – MAWLAMYINE (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída por estrada e Ferry (aproximadamente 1 hora) para Bilu Kyun. Chegada e visita das aldeias da região. Regresso a Mawlamyine e visita da cidade que inclui: o Pagode Mahamuni Paya e Kyaikthanlan Paya e o Mosteiro Seindon Mibaya. Alojamento no hotel.

    20º dia – MAWLAMYINE / YANGON (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Visita de barco a Gaungse Kyun (Ilha do Champô), esta ilha localizada no limite noroeste da cidade, tem este peculiar nome, pois durante o período Ava, transportavam a água das fontes existentes na ilha para a cerimónia anual de lavagem do cabelo do rei. Continuação da viagem por estrada em direcção a Yangon, no caminho visita de Thaton. Chegada a Yangon, transporte ao hotel e alojamento.

    21º dia – YANGON PORTUGAL (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Em hora a indicar localmente, transporte ao aeroporto, formalidades de embarque e partida com destino a Portugal com mudança de avião em rota. Noite a bordo.

    22º dia – Chegada a PORTUGAL
    Legenda (P, A, J)
    P = Pequeno-almoço   A = Almoço   J = Jantar

      
    Fim dos nossos serviços.

    Datas, Preços, Suplementos

    DIAS de PARTIDA: DIÁRIOS (Suplemento de 20,00 € para partidas às 6ª feiras e sábados e de 15,00 € para regressos aos sábados e domingos por pessoa)

    Preço por pessoa segundo ocupação no quarto (mínimo 1 participante):
     
    HOTÉIS PREVISTOS ou SIMILARES: 
    Opção A)
    YANGON – Hotel Grand Laurel (quarto deluxe) ou Hotel Grand United Ahlone Branch (quarto superior)
    PINDAYA – Hotel Conqueror Resort (quarto superior)
    LAGO INLE – Hotel Paramount Inle Resort (quarto superior teak wood) ou Hotel The Serenity Inle (quarto superior)
    MANDALAY – Hotel Amazing Mandalay (quarto deluxe) ou Hotel Shwe Ingyinn (quarto superior)
    BAGAN – Hotel The Regency (quarto superior) ou Hotel Bagan Landmark (quarto superior)
    KYAIKHTO – Hotel Kyaik Hto (bungalow superior)
    MAWLAMYINE – Hotel Ngwe Moe (quarto superior vista rio)
     
    PERÍODO 4 Pessoas
    (2 Duplos)
    TRIPLO * DUPLO SINGLE SINGLE
    (1 Pessoa)
    01/04/19 a 30/04/19 3 505,00 € 3 490,00 € 4 005,00 € 4 775,00 € 6 740,00 €
    01/05/19 a 31/10/19 3 370,00 € 3 355,00 € 3 875,00 € 4 525,00 € 6 490,00 €
     
     
    Opção B)
    YANGON – Hotel Rose Garden Yangon (quarto superior) ou Hotel Jasmine Palace (quarto superior)
    PINDAYA – Hotel Conqueror Resort (quarto superior)
    LAGO INLE – Hotel Ananta Inle Resort (quarto deluxe) ou Hotel Amata Garden Resort Inle Lake (quarto deluxe)
    MANDALAY – Hotel Yadanarpon Dynasty (quarto superior) ou Hotel Bagan King (quarto superior)
    BAGAN – Hotel Thazin Garden (quarto deluxe)
    KYAIKHTO – Hotel Mountain Top (quarto standard)
    MAWLAMYINE – Hotel Mawlamyaing Strand (quarto superior)
     
    PERÍODO 4 Pessoas
    (2 Duplos)
    TRIPLO * DUPLO SINGLE SINGLE
    (1 Pessoa)
    01/04/19 a 30/04/19 3 935,00 € 3 925,00 € 4 440,00 € 5 665,00 € 7 625,00 €
    01/05/19 a 31/10/19 3 640,00 € 3 625,00 € 4 145,00 € 5 065,00 € 7 030,00 €
     
     
    Opção C)
    YANGON – Hotel Lotte Hotels & Resorts (quarto superior) ou Hotel Sule Shangri-La (quarto superior)
    PINDAYA – Hotel Conqueror Resort (quarto superior)
    LAGO INLE – Hotel Aureum Palace & Resort (vila 2º linha) ou Amata Garden Resort Inle Lake (vila amata)
    MANDALAY – Hotel Mandalay Hill Resort (quarto superior)
    BAGAN – Aye Yar River View Resort (quarto grand deluxe) ou The Hotel @ Tharabar Gate (quarto deluxe)
    KYAIKHTO – Hotel Mountain Top (quarto standard)
    MAWLAMYINE – Hotel Mawlamyaing Strand (quarto superior)
     
    PERÍODO 4 Pessoas
    (2 Duplos)
    TRIPLO * DUPLO SINGLE SINGLE
    (1 Pessoa)
    01/04/19 a 30/04/19 4 570,00 € 4 480,00 € 5 075,00 € 6 925,00 € 8 890,00 €
    01/05/19 a 31/10/19 3 965,00 € 3 880,00 € 4 470,00 € 5 720,00 € 7 680,00 €
     
     
    Nota*: Os quartos triplos, são compostos por 1 ou 2 camas, mais 1 cama extra. As condições de conforto são menores do que as dos quartos duplos. A reserva de um quarto triplo, implica a aceitação deste facto.
     
    Nota muito importante: A classificação dos hotéis apresentada, é a vigente nos respectivos Países. Nas cidades onde se apresenta mais do que um hotel, poderá ser confirmado qualquer um dos hotéis apresentados ou eventualmente algum similar.
     
    Nota 2: Este programa foi calculado com base numa tarifa aérea acordada com a companhia aérea EMIRATES. Caso não haja disponibilidade de lugares nessa tarifa, ofereceremos uma alternativa ou no escalão tarifário seguinte, ou noutra companhia aérea, mediante um suplemento a informar. A classe de reserva que serve de base ao programa é a classe “L”.
     
    SUPLEMENTO de TARIFA AÉREA com a EMIRATES:
     
    Período: Classe L Classe Q Classe K Classe U Classe B
    01/04/19 a 25/07/19 sem supl. 36,00 € 72,00 € 166,00 € 246,00 €
    26/07/19 a 04/08/19 ** ** ** 266,00 € 346,00 €
    05/08/19 a 13/08/19 ** 66,00 € 104,00 € 206,00 € 286,00 €
    14/08/19 a 31/10/19 sem supl. 36,00 € 72,00 € 166,00 € 246,00 €
    ** não existe esta classe de reserva neste período
     
     

    TAXAS de AVIAÇÃO com a EMIRATES = 437,00 € por pessoa (a reconfirmar no dia de emissão dos bilhetes)
     
    Preço final por pessoa = Preço do quadro de acordo com a opção escolhida + Suplemento de Tarifa Aérea (se existir) + Taxas de Aviação (a reconfirmar na altura da emissão dos Bilhetes)

    Outras Informações

    O preço inclui:
    - Passagens aéreas mencionadas em classe económica
    - Transporte Aeroportos / Hotéis / Aeroportos
    - Transporte terrestre em veículo privado
    - Todas as visitas mencionadas no itinerário com guia de língua inglesa
    - Circuito em PRIVADO
    - Alojamento em Quartos Duplos com Pequeno Almoço nos hotéis escolhidos ou similares
    - Seguro de Viagem

    O preço não inclui: 
    - Taxas aviação (a informar depois de cálculo)
    - Extras ou actividades de carácter pessoal.

    Seguro de viagem:
    - Todas as viagens organizadas pela 4x4 Viagens estão cobertas por um seguro de viagem.
    Existem três tipos de seguro: o MULTIVIAGENS (incluído no preço), o MULTIVIAGENS VIP e o MULTIVIAGENS ALL IN.
    - As condições gerais de cada seguro poderão ser consultadas no final da página do nosso site.

    Passaporte, Vistos e Vacinas:
    - Passaporte com validade mínima de 6 meses
    - Visto obrigatório (consultar)
    - Não são obrigatórias vacinas

    Condições especiais de cancelamento:
    Consultar as condições gerais e FIN (Ficha Informativa Normalizada)
    (ver na página principal do site)
    Partilha esta viagem

    Caso necessite de mais informações, preencha o seguinte formulário

    A sua mensagem será encaminhada para os responsáveis e processada com a maior das brevidades. Obrigado
    ERRO
    Enviar