Filtros

Continente

País

    643 - GUINÉ EQUATORIAL COMPLETA

    Tipo: Circuito
    Inicia em: Malabo
    Duração: 11 dias
    Termina em: Malabo
    Cidades: Malabo, Baney, Riaba, Moka, Batete, Luba, Ureka, Bata, Punta Mbonda, Tika, Rio Campo, Niefang, Mongomo, Oyala, Parque Nacional de Monte Allen, Mbini, Cogo, Pico Basilé

    Itinerário

    Circuito Privado | 8 refeições incluídas
     
    Itinerário (Resumo):
    1º dia – 
    Portugal / Malabo (avião)
    2º dia – Malabo / Baney / Riaba / Moka / Batete / Luba
    3º dia – Luba / Ureka / Malabo
    4º dia – Malabo
    5º dia – Malabo / Bata (avião)
    6º dia – Bata / Punta Mbonda / Tika / Rio Campo / Bata
    7º dia – Bata / Niefang / Mongomo / Oyala
    8º dia – Oyala / Parque Nacional de Monte Allen / Bata / Mbini
    9º dia – Mbini / Cogo / Bata (avião)
    10º dia – Malabo / Pico Basilé / Malabo / Portugal (avião)
    11º dia –
     Chegada a Portugal
     
    Legenda (P, A, J)
    P = Pequeno-almoço   A = Almoço   J = Jantar 

    1º dia –​ PORTUGAL  MALABO (-, -, -)           
    Embarque com destino a Malabo, com mudança de avião em rota. Chegada e transfer para o hotel.


    2º dia MALABO / BANEY / RIABA / MOKA (Sul da Ilha de BIOKO) / BATETE / LUBA (Sul da Ilha de BIOKO) (P, A, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída em direção a Moka, passando, em rota, por Baney e Riaba. A cidade de Moka, situada no grande maciço vulcânico no Sul da Ilha de Bioko, recebeu o seu nome em homenagem ao rei que governou aquela ilha durante o século XIX e que residia em Riaba. Esta região é conhecida por maravilhosas paisagens naturais, entre as quais destacamos o Lago Moka, atualmente Lago Biao, localizado numa antiga cratera que durante longos anos serviu de santuário e refúgio ao Sumo-Sacerdote de Bubi, “Mote”. Chegada a Moka e continuação para Lago Biao, onde faremos uma caminhada, durante a qual poderá ter a sorte de ver algumas espécies de primatas. Tempo para desfrutar da beleza que caracteriza esta área. Regresso a Moka para almoço. Da parte da tarde, saída para a cidade da Batete, designada pelos espanhóis como “María Cristina”. Situada na parte superior do sul do maciço, a sua principal atração é uma igreja, que domina a região, que se encontra entre os raros edifícios religiosos do mundo construídos em madeira. Durante esta visita de cidade terá oportunidade de ver diferentes locais de secagem de cacau. Continuação em rota até Luba, a segunda maior cidade da Ilha de Bioko, outrora denominada como “San Carlos”. Situada 52km a Sudoeste de Malabo, a cidade de Luba encontra-se muito perto da Baía de Boloko, onde em 1778 desembarcou o Conde de Arjelejos, a liderar os navios "Santa Catalina", "La Soledad" e o bergantim " Santiago", com o intuito de tomar posse dos territórios adjacentes ao Golfo da Guiné. Desfrute da suavidade do mar e das longas praias, na sua maioria, de areia negra, que caracterizam esta região.


    3º dia –​ LUBA / Praias de UREKA / MALABO (P, A, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída em direção às praias de Ureka, com paragem, em rota, na aldeia de San Antonio de Ureca. Esta pequena  cidade é considerada uma das áreas mais húmidas do mundo e o lugar mais chuvoso de toda a África. Continuação para as praias virgens, onde poderá passear, mediante as condições meteorológicas. Almoço pick-nick. De tarde, regresso a Malabo, em rota pela Costa Este da Ilha.


    4º dia –​ MALABO (P, -, J)
    Pequeno-almoço no hotel. Dia dedicado à cidade de Malabo. A nossa visita iniciar-se-á na parte antiga da cidade, passando pela Praça da Independência, a Catedral, a Casa Verde, a Biblioteca Nacional, a Rota dos Escravos, o Museu Don Leandro Mbomio, entre outros monumentos e sítios de importância histórica. Caminharemos ao longo do Mercado Central e desfrutaremos da sua colorida azáfama. De tarde, visita à parte moderna da cidade, da qual destacamos a nova área de Sipopo e a denominada “Malabo II”. Jantar incluído. 

    Malabo é a capital e maior cidade da Guiné Equatorial. Localizado na costa Norte da Ilha de Bioko (antiga Fernando Pó), a cidade de Malabo encontra-se colocada sobre a borda de um vulcão submerso, estimando-se que tenha uma população de cerca de 96.000 habitantes. É a cidade mais antiga da Guiné Equatorial, com um porto estrategicamente situado no Golfo da Guiné, onde poderá apreciar uma arquitetura caracteristicamente colonial, em contraste com edifícios modernos. As suas ruas, veredas quadradas, revelam uma pré-concepção de cidade moderna, com zonas pedonais e espaços verdes e de lazer, um fenómeno que provoca uma sensação de “arquitetura de pressão”, temperada pela baixa altura dos edifícios, numa mistura equilibrada entre a ocidentalização e o africanismo.


    5º dia –​ MALABO  BATA (Parte continental) (P, -, J)
    Pequeno-almoço no hotel. Transfer para o aeroporto e embarque para a cidade de Bata, localizada em Rio Muni, a parte continental da Guiné Equatorial. Chegada e transfer para o hotel. Visita da cidade de Bata. Jantar incluído.

    Bata é uma cidade portuária da Guiné Equatorial, capital da Província Litoral e segunda maior cidade do país. Com uma população de 66.800 habitantes, é trinta por cento menor do que o capital do país, Malabo. Antigamente, Bata era a capital do país e, atualmente, é um centro de transportes e de portos, de onde partem os ferrys para Malabo e Douala, sendo também conhecida pela sua vida nocturna e pelo seu mercado.


    6º dia –​ BATA / PUNTA MBONDA / TIKA / RIO CAMPO / BATA (P, A, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Visita de Punta Mbonda, Tika e Rio Campo. Os destaques para este dia, são o Farol de Punta Mbonda, as praias de Tika e a fronteira com os Camarões, em Rio Campo. Almoço incluído. Regresso a Bata.


    7º dia –​ BATA / NIEFANG / MONGOMO / DJIBLOHO (OYALA) (P, -, J)
    Pequeno-almoço no hotel. Partida para Mongomo, onde visitaremos a cidade e a sua Basílica. A Basílica da Imaculada Conceição da Virgem Maria é uma basílica católica romana, atualmente o maior edifício religioso na África Central e segunda de seu tipo em África, depois da de Yamusucro, na Costa do Marfim. De tarde, partida para a cidade de Djibloho, também referida como Oyala. Esta é uma cidade projetada para a ser a futura capital de Guiné Equatorial, substituindo Malabo na categoria de capital. Chegada e alojamento.


    8º dia –​ DJIBLOHO (OYALA) / PARQUE NACIONAL de MONTE ALLEN / BATA / MBINI (P, -, J)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída em direção ao Parque Nacional de Monte Allen, o tesouro escondido da África Ocidental. Este parque abrange uma área de 1400km², encontrando-se delimitado a Oeste pelo Rio Uoro e a Leste pela estrada que liga Niefang ao Gabão. Apesar das suas  dimensões, o Parque Nacional de Monte Allen abriga 105 espécies de mamíferos, entre as quais destacamos os gorilas, chimpanzés e elefantes, que convivem com muitas outras espécies de animais selvagens. Continuação para a cidades costeira de Mbini. Jantar incluído.  


    9º dia –​ MBINI / COGO / BATA  MALABO (P, -, J)
    Pequeno-almoço no hotel. Partida para Cogo, onde faremos uma breve visita de cidade. Localizada no extremo Sul da parte continental da Guiné Equatorial, a cidade de Cogo caracteriza-se por uma arquitetura tipicamente colonial, que remete para os tempos em que era designada como “Puerto Iradier”. Regresso a Bata. Jantar tipo merenda, antes do transfer para o aeroporto. Embarque para Malabo. Chegada e transfer para o aeroporto.


    10º dia –​ MALABO / PICO BASILÉ / MALABO  PORTUGAL (P, -, -)
    Pequeno-almoço no hotel. Saída em direção ao Pico Basilé, com 3018 metros de altitude. Este pico, que domina a Ilha de Bioko, tem a ele atribuídas várias designações: Wassa pelos Bubi, “Clarence Peak” durante o domínio britânico, Pico de Santa Isabel aquando da chegada dos espanhóis à ilha e, finalmente, a sua designação atual. Se as autoridades permitirem, subida ao cume ou visita à Igreja da Virgem Bisila, dedicada ao espírito protetor da Ilha de Bioko. Da parte da tarde, regresso a Malabo. Transfer para o aeroporto e partida com destino a Portugal, com mudança de avião em rota. Noite a bordo.


    11º dia –​ Chegada a PORTUGAL
     
    Legenda (P, A, J)
    P = Pequeno-almoço   A = Almoço   J = Jantar 


    Fim dos nossos serviços.

    Datas, Preços, Suplementos

    DIAS de PARTIDA: 2ªs, 4ªs e Sábados (reconfirmar)
     

    Nota: O itinerário e a ordem do programa poderá ser alterada, mediante as condições meteorológicas, exigências das autoridades locais ou qualquer outro imprevisto.
     

    Preço por pessoa segundo ocupação no quarto (mínimo de 1 participante):
     
    HOTÉIS PREVISTOS (ou similares):
    LUBA –​ Hotel Náutico de Luba 2*
    BATA –​ Hotel Carmen 3*
    DJIBLOHO (Oyala) –​ Hotel Djibloho 5*
    MBINI – Complexo Turístico de Mbini 3*
     
    PERÍODO: 2 DUPLOS
    (4 pessoas)
    TRIPLO* DUPLO SINGLE SINGLE
    (1 pessoa)
    01/04/18 a 31/12/18 4.430,00 € 4.920,00 € 5.545,00 € 6.280,00 € 7.520,00 €

     
    Nota*: Os quartos triplos, são compostos por 1 ou 2 camas, mais 1 cama extra. As condições de conforto são menores do que as dos quartos duplos. A reserva de um quarto triplo, implica a aceitação deste facto.
     

    Nota: Este programa foi calculado com base numa tarifa aérea acordada com a companhia aérea AIR FRANCE. Caso não haja disponibilidade de lugares nessa tarifa, ofereceremos uma alternativa no escalão tarifário seguinte, mediante suplemento. A classe de reserva que serve de base ao programa é a classe “N”.
     

    Suplemento de tarifa aérea com a AIR FRANCE:
     
    Período: Classe N Classe T Classe Q Classe L
    01/04/18 a 28/06/18 Sem supl. 80,00 € 190,00 € 370,00 €
    29/06/18 a 14/08/18 100,00 € 180,00 € 290,00 € 470,00 €
    15/08/18 a 31/12/18 Sem supl. 80,00 € 190,00 € 370,00 €

     
    Taxas de aviação = 417,00 € por pessoa (valor a reconfirmar na data de emissão dos bilhetes)
     
    Preço final por pessoa = Preço do quadro de acordo com a opção escolhida + Suplemento de Tarifa Aérea (se existir) + Taxas de Aviação (a reconfirmar na altura da emissão dos Bilhetes)

    Outras Informações

    Nota informativa: A presente informação, não sendo vinculativa, funciona como um alerta para as condições que encontrará nos países africanos. É nosso dever, informar os nossos clientes face à possibilidade de encontrarem condições adversas, em termos logísticos e ao nível das infraestruturas. Entre os aspetos mais sensíveis, destacamos os transportes e o alojamento, sendo o primeiro, o que nos desperta mais atenção, tendo em conta que os meios de transporte não são, de todo, equiparáveis, em termos de conforto e fiabilidade, ao padrão europeu; o segundo aspeto – alojamento -, apesar de muitos destes países apresentarem uma forte tradição turística, ainda não se “converteram” a esta indústria, pelo que a probabilidade de encontrar unidades de alojamento básicas e um serviço abaixo dos padrões estabelecidos, é elevada. Não poderíamos, também, deixar de fazer referência aos trâmites transfronteiriços, caracterizados, muitas das vezes, por um processo lento, ao qual estão associadas tentativas de obtenção de dinheiro. Por fim, relembrar que todos os clientes são responsáveis pelos seus objetos pessoais. É fulcral ir com a consciência de que estamos perante uma nova cultura, com raízes e tradições vincadas, para que possa desfrutar ao máximo da experiência.

    O preço inclui:
    - Passagens aéreas mencionadas, em classe económica
    - Transfers aeroporto / hotel / aeroporto
    - 9 noites de alojamento, em quarto standard, em regime de alojamento e pequeno-almoço
    - 8 refeições incluídas
    - Circuito privado com guia local de língua espanhola, francesa ou inglesa
    - Taxa de entrada no Parque Nacional de Monte Allen
    - Excursões segundo o indicado no itinerário
    - Seguro de viagem

    O preço não inclui:
    - Taxas de aviação (a informar depois de cálculo)
    - Visitas ou refeições não mencionadas no programa
    - Outras atividades de cariz pessoal
    - Visto de entrada na Guiné Equatorial
    - Bebidas e gastos pessoais durante o circuito
    - Serviços não mencionados

    Seguro de viagem:
    - Todas as viagens organizadas pela 4x4 Viagens, estão cobertas por um seguro de viagem
    - Existem três tipos de seguro: o MULTIVIAGENS (incluído no preço), o MULTIVIAGENS VIP e o MULTIVIAGENS ALL IN.
    - As condições gerais de cada seguro poderão ser consultadas no final da página do nosso site.

    Passaporte, Vistos e Vacinas:
    - Passaporte com validade mínima de 6 meses
    - Visto de entrada na Guiné Equatorial (valor sob consulta)
    - Obrigatória a vacina contra a febre amarela
    - Para outras vacinas recomendadas, aconselhamos a "consulta do viajante" www.sns.gov.pt/sns-saude-mais/saude-em-viagem

    Condições especiais de cancelamento:
    Consultar as condições gerais (ver no final da página).     

    Política de Cancelamento (Circuito):
    Em caso de cancelamento, o reembolso está sujeito às seguintes penalizações:
    - Cancelamento com mais de 45 dias de antecedência, penalização de 10%;
    - Cancelamento entre 44 a 30 dias antes, penalização de 15%;
    - Cancelamento entre 29 a 15 dias antes, penalização de 30%;
    - Cancelamento entre 14 a 10 dias antes, penalização de 60%; e
    - Cancelamento com menos de 10 dias de antecedência, penalização total.
    Partilha esta viagem

    Caso necessite de mais informações, preencha o seguinte formulário

    A sua mensagem será encaminhada para os responsáveis e processada com a maior das brevidades. Obrigado
    ERRO
    Enviar